Educação

Projeto dos alunos da Escola Benedicts visita a propriedade da pecuarista Beatriz Sachett

Dando sequência ao projeto desenvolvido pelos alunos do ensino médio da escola Antônio Benedictis, na disciplina eletiva, a convidada dessa vez foi a Sra. Beatriz Sachett que relatou um pouco da sua trajetória biográfica.

Ela iniciou sua carreira acadêmica no curso de engenharia, porém não levou muito tempo para perceber que não tinha vocação para esta área e decidiu mudar então para artes plásticas. Logo em seguida casou-se e, por influência do marido tomou gosto pela pecuária, iniciando os cuidados com as poucas vacas leiteiras que já existiam na fazenda. Com apoio e incentivo do veterinário que cuidava de seu rebanho, Beatriz resolveu participar com seu gado (as vacas) de concursos na região, sendo campeã em sua primeira participação, com isso, Irineu seu esposo, premiou-a com uma nova vacada de melhor produção leiteira.
Animada com a roda de conversa, ela convidou os participantes para uma visita na Fazenda Santa Ercília. Lá eles foram recebidos por Walter Fernandes Júnior, funcionário responsável pelo retiro, que explicou um pouco sobre como é realizada a ordenha e que ela acontece de manhã, ao meio-dia e no fim da tarde. Ele acompanhou pequenos grupos de alunos para observar esse momento, que atualmente é feito por máquinas que sugam o leite e transposta diretamente para um tanque resfriado através de canos de aço, sendo medido a produção individual de cada vaca. O lugar onde as vacas ficam é sempre limpo e fresco, devido à necessidade de climatização para a adequação da raça, uma vez que a mesma não é brasileira.

Durante toda a visita, os alunos tiveram a oportunidade de fazer perguntas para o técnico agrícola Walter Fernandes, que gentilmente respondeu a todos os questionamentos e curiosidades dos alunos, sobre as atividades desenvolvidas na fazenda. A atividade com visita ‘in loco’ (no local), teve o apoio da prefeitura municipal, que cedendo o transporte proporcionou aos estudantes, conhecimentos extracurriculares e a oportunidade de olhar por outro ponto de vista o empreendedorismo desenvolvido na cidade.

Leia Também